Minha pica grossa no cu da safada

18 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

18 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

Minha pica grossa no cu da safada

Minha pica grossa no cu da safada

-Mas ele é meu pai, e você sabia de tudo!-E ela é minha mãe! – Gabriel preferiu revelar tudo.

Tem 18 anos, pele bem clara e rosada no rosto, cabelo escuro, ondulado e cortado na altura dos ombros, tem olhos grandes e castanhos, enfeitados por um óculos com armação preta e relativamente grossa, uma boca grande e realmente linda, com lábios que parecem desenhados.

Pela porta eu pude ver que ele a estava abraçando por trás e apertando os seios dela, que se encontrava com a blusa sem alça abaixada na cintura.

Me jogou na cama e subiu em cima de mim, me dizendo que eu era a novinha safada dele e que ele queria me dar a melhor foda que ele aguentasse.

-Isso lorinha, grita bem alto, grita pra minha mãe vir aqui dar pra mim junto contigo, grita. Novamente me posicionei pra chupar aquela buceta deliciosa, e dessa vez a mantive num canto onde somente eu poderia cuidar dela e não deixar outras pessoas se aproximarem, fiquei pressionando e mordendo aquele grelinho gostoso, mantendo suas pernas erguidas para sugar sua buceta e ainda lamber bem gostoso seu cuzinho (ela adora sexo anal), sentindo os calafrios e espasmos que percorriam o corpo dela a cada sugada mais forte, sem falar dos fluídos vaginais dela, cada vez mais quente que ela estava jorrando na minha boca e no meu nariz, e depois ela me confessou que havia gozado na minha boca (adoro quando isso acontece) e logo após isso, me posicionei entre suas pernas e meti com gosto e vontade e logo senti aquele tesão subindo pelo meu corpo e senti o meu gozo vindo, tirei de dentro da buceta dela e gozei tudo no chão, mesmo sabendo que ela adora quando gozo em cima dela, mas o vestido dessa vez não nos permitia isso. Júlio pergunta: aí Luiz gostou? respondi: claro, que coisa linda, maravilhosa.

Daniel: humm, não quer desperdiçar nenhuma gota né, safada– Vai? – Ela respondeu, quase sem conseguir falar. As mãos do frade corriam nas pernas dela.