Negra Tesuda Gemendo Na Siririca

Negra Tesuda Gemendo Na Siririca

Negra Tesuda Gemendo Na Siririca

Dormimos pois estávamos cansados, pela manhã por volta das 09 hs, acordamos para o café, chamamos a baba no apto ao lado, Marcela já estava arrumada de fio dental e entrada de banho, não preciso dizer que Marcela é uma morena muito gostosa, peitos e bunda grande, pernas grossas e adora se exibir, depois do café resolvemos ir a praia dar uma volta de carro com nossa filha, voltamos pro almoço, a baba foi dar o almoço dela depois foi coloca-la pra dormir, chamei Marcela para irmos a praia tomar cerveja, o garçom do hotel nos acomodou em uma barraca, sentamos pedimos cerveja e caipirinha para Marcela, na tenda ao lado tinha 2 casais de São Paulo, logo puxaram conversa, nos entrosamos, Marcela foi tomar banho, os homens ficaram olhando pra sua bunda toda a mostra, quando voltou como o biquini era branco, molhado, mostrou transparencia e dava pra ver todo o contorno de sua buceta peladinha, pois ela usa depilação total, notei que tinha um que não tirava os olhos, continuamos conversando, deu 16 hs, então eles dizeram que iriam a um forro que tem na cidade e nos convidaram, combinamos e subimos pro apto ver como estava nossa filha, nos deitamos pra descansar pois o sol estava escaldante a baba foi dar o jantar de nossa filha, lá pelas 21 hs nos arrumamos e encontramos os casais na recepção, Marcela estava de vestidinho de algodão branco meio transparente mostrando sua calcinha fio dental preta sem sutiã, chegando no forro procuramos uma mesa, era bastante escuro e lotado, pedimos caipirinha e cervejas, o forro tava tocando, muita gente dançando, fomos dançar, voltando eles queriam dançar mais nao sabiam, em Marcela se ofereceu para ensinar, dançou com um depois com o outro, o mais novo tinha uns 30 anos e era todo gaiato, ja tinhamos tomados umas,vez por outra ele chamava ela para dançar, num determinado momento se perderam na multidão, quando voltaram notei meio desconfiados e ele tentando esconder sua ereção, sentaram então chamei Marcela pra dançar, ela notou que eu estava de pau duro, beijou minha orelha que adoro, então eu disse o rapaz chegou na mesa de pau duro, ele tá a fim de ti amor, ela disse ele quase me come amor, me virou de costa e ficou roçando em minha bunda, ela disse amor fiz de conta que não tava entendendo e fiquei rebolando no pau dele, ele me beijou no pescoço mordeu minha orelha, mais pedi pra sair pois poderiam notar, você achou ruim amor, eu disse não adorei essa situação amor, é muito tesuda, ela disse gostei também mais só faço se você concordar, eu disse tá livre amor se você tá com tesão nele, nos beijamos e voltamos pra mesa. De novo? Como? Acabo de chegar! E ela continuou…"Oi eu me chamo Thalia(nome nome fictício) tenho 21 aninhos sou morena tenho 1,60 de altura 70 kilos uma coxa enorme uma bunda bem durinha,peitinhos medios e uma buceta enorme…Esse relato aconteçeu num feriado eu era casada e pedi ao meu marido para sair com minha prima e uma amiga e propus a ele que também saísse com alguns amigos, então me arrumei e fui eu e minha prima que e uma negra linda verdadeira falsa magra ela tem peitinhos durinhos mas uma bunda de deixar qualquer um com um pau latejando de tesão.

""Bem , trabalhava em uma empresa de tecnologia , era Gerente de Manutenção e Suporte , tinha um bela mulher ,morena uns 20 anos uma bunda arrebitada maravilhosa e muito gostosa por sinal , não era linda, mas tinha um charme que me excitava , ela era secretária da diretoria , certo dia ela me disse que queria beber comigo alguns drink´s , descobri no outro dia que ela não bebia , passaram-se 1 ano e meio , eu saí da empresa e antes de sair deixei um cartão da outra empresa comela , pois bem , uma semana depois recebi um recado da secretária que uma mulher chamada Rosana tinha me ligado e pediu para que eu retornasse a ligação , liguei no outro dia , ela atendeu e me falou que nem deu tempo de se despedir , então marquei um dia ( 2 semanas depois ) para ela conhecer a nova empresa que eu estava trabalhando , como o expediente acabava 17:30 , marquei as 18:00 , pois estava de plantão sozinho até as 22:00 , ela chegou , ao abrir a porta senti um perfume afrodizíaco estonteante , fiquei com uma vontade incrível de beijar aqueles lábios carnudos , começamos e conversar no sofá do corredor ao lado da sala da diretoria , papo vai , papo vem , começamos um beijo de língua bem quente , meu pau já estava duríssimoela , abri o zíper da calça e coloquei minha pica para fora, ela começou a acariciar a cabeça e tocando uma punheta , comecei abaixando a cabeça dela até chegar na minha pica , ela ficou dando beijinhos na cabeça da pica e acariciando as minhas bolas , começou a chupar meu pau com um vontade e tanto , estávamos sentados , ela estava de saia , levantei a saia e meti meu dedo na buceta dela afastando a calcinha que já estava toda melada , comecei uma siririca , notei que estava muito apertado , ela sussurrou no meu ouvido ” sou virgem ” eu já estava querendo meter a pica e parei com a siririca e falai para ela se ela se importava em deixar eu meter no cuzinho dela , para emu espanto ela falou que queria mesmo que eu tirasse o cabaço dela , ela sabia que eu era casado , mas enfatizou que eu é que tiraria o cabaço dela , só depois ela pensaria em me dar ou não o cuzinho virgem tb , fomos para o chão ficamos inteiramente nus e começamos um 69 maravilhoso ,gozei na boca dela 2 vezes e ela várias com minha língua na buceta e com uma siririca deliciosa que toquei nela , depois desse maratona de sexo oral , nos arrumamos e deixei ela em casa e marcamos uma foda em um Motel para que eu tirasse o cabaço … isso eu conto depois , me aguardem rsrs …"continuaO boxe era comprido o bastante para nós dois, mas não era tão largo.

kkkkkkkCerta hora fui até a porta ver se bruna não estava descendo ela pegou seu shorts e colocou de lado e mostrou a parte da frente da calcinha de renda azul toda molhada nessa hora fiquei louco e quis começar a chupar ela mas ela não queria deixar, fiquei pelado e tirei o shorts dela, pedi para ela levantar encostei ela de costas pra mim na parede e comecei a passar meu pau no meio de suas pernas e beijava sua nuca e sua costas, ela estava louca até que ela cedeu e consegui colocar meu pau dentro dela sem camisinha mesmo seria coisa rapida, não poderia fazer tudo que queria com ela, começamos um movimentos gostoso de pé mesmo, ela gemendo baixinho me apertando, toda molhada, ela falou não para agora estou gozando, falei vamos gozar juntos, nem tirei meu pau de dentro dela e gozei gostoso em sua buceta, ela tirou de dentro dela e começou a me chupar limpoou ele todinho, e falou vai dormir seu safado já está clariando, essa noite vai ficar pra sempre em minha memoria.